Filmes & Séries

X-Men: Apocalipse (20th Century Fox & Marvel Entertainment)

07 de junho de 2016

en_sabah_nur_apocalypse_x_men_apocalypse-1366x768

Existem histórias que acabam tornando-se mitos. Muitas delas são esquecidas. Outras, apenas estão adormecidas. Quando acordam há dois acontecimentos: a renovação ou a destruição. O ser mais poderoso da Terra veio para dizimar todas as nações e somente um grupo de jovens superdotados está disposto a enfrentá-lo. Os mutantes voltaram, para uma batalha épica e decisiva.

1

A 20th Century Fox, em companhia da Marvel Entertainment, trazem aos cinemas mais um filme da franquia de sucesso X-Men. Em X-Men: Apocalipse a jornada dos mutantes continua. O futuro foi alterado e tudo parece estar em calma e paz. A Escola Xavier Para Jovens Superdotados permanece na ativa, educando e ajudando inúmeros mutantes a controlarem seu poderes. Tudo vai bem até que um terremoto mundial tira a tranquilidade de todos. Um ser milenar desperta, alguém que tem conseguido driblar a morte ao longo dos séculos. Ele possui inúmeros nomes, mas sua identidade é marcada como Apocalipse, o primeiro mutante a surgir na Terra. Considerado um deus para muitos povos, Apocalipse reúne quatro mutantes para serem seus cavaleiros e inicia uma onda de terror e pavor em todo o planeta. Ninguém parece ser capaz de derrotá-lo, mas há quem se oponha a ele. Numa tentativa de salvar todas as nações, os X-Men embarcam em uma jornada perigosa para impedir os planos de Apocalipse.

14

O filme traz a fase jovem de alguns dos mutantes mais amados pelos fãs da franquia X-Men. Sophie Turner (Game Of Thrones) dá vida à Jean Grey. Sua atuação é marcante e não haveria melhor pessoa para encarnar a jovem ruiva que controla as coisas com a mente. Tye Sheridan (Lugares Escuros) interpreta Ciclope e impressiona nas cenas de combate. Um excelente jovem Scott Summers. Alexandra Shipp (Aaliyah: The Princess Of R&B) dá vida à jovem Tempestade, que é mostrada quando vivia no Cairo, algo muito aguardado pelos fãs. A atriz surge em excelente estilo representando a Tempestade de moicano dos anos 80. Kodi Smit-McPhee (Romeu e Julieta, 2013) está sensacional na pele do jovem Noturno, um perfeito Kurt Wagner que arrasa quando entra em ação. E neste filme temos Lana Condor dando vida à Jubileu. Seu visual está maravilhoso, apesar de não haver cenas de ação com a mesma.

2

Antes de o filme começar sua produção muito se especulou sobre quem seriam os leais Cavaleiros do Apocalipse. As séries animadas dos X-Men já haviam mostrado alguns mutantes que acabaram se tornando esses cavaleiros. O resultado final e escolhido pelo diretor Bryan Singer não poderia ter sido melhor. Representando a Peste temos a mutante Psylocke, que é telepata e projeta com a mente objetos psíquicos capazes de interferir sobre o mundo material. É a primeira vez que a personagem aparece em um filme dos X-Men. É interpretada pela atriz Olivia Munn que está espetacular em suas cenas de luta, muito semelhantes às dos quadrinhos. A Guerra é representada por Magneto (Michael Fassbender). O mutante que controla todo o tipo de metal aparece mais poderoso do que nunca e é fundamental para os planos de Apocalipse. A Fome é representada por Tempestade, resgatada do Cairo, Egito. É o primeiro cavaleiro recrutado. E a Morte é representada pelo Anjo (Ben Hardy). O momento de sua transformação em Cavaleiro do Apocalipse é nostálgico, pois remete ao enredo original dos quadrinhos. É um cavaleiro leal e muito perigoso. 13

Esse filme parece ter sido produzido inteiramente por fãs. Isso porque é evidente que cada novo filme se aproxima mais e mais do que os fãs de X-Men sempre ansiaram por ver nas telas do cinema. A começar pela caracterização dos personagens, principalmente dos Cavaleiros do Apocalipse e do próprio mutante, que é interpretado por Oscar Isaac (Star Wars: O Despertar da Força). Ele é o Apocalipse perfeito. Sua atuação é sublime, ímpar. É como ver o desenho animado ou o quadrinho ganhar vida em grande e fiel estilo. Outro ponto magnífico do filme são as surpresas que aparecem no decorrer da trama. Personagens já conhecidos reaparecem em momentos de puro sufoco para salvar os que estão em perigo e outros acabam revelando poderes que são mostrados em sua totalidade, manifestados da forma como os fãs sempre esperaram ver.

12

Algumas opiniões acerca do filme divergem. Uns não acharam o filme tão bom quanto imaginavam. Outros se deram por satisfeitos. Mas quem é fã e acompanha os X-Men nos cinemas desde 2000 não pode negar que esse filme com o arco do Apocalipse é o melhor já adaptado. Atuações incríveis, roteiro fiel, caracterização impecável, introdução ideal de novos personagens, efeitos sonoros e visuais de imensa qualidade. São muitos os pontos positivos. O filme vai muito além de toda a brilhante ação que desencadeia. Os mutantes neste filme podem ser vistos e lidos de forma mais íntima, ao ponto de podermos nos identificar rapidamente com seus dilemas. Inspirar-se em alguém, combater os próprios medos, não ter vergonha de si mesmo, o livre-arbítrio. Qualquer um já deve ter tido experiências semelhantes.

3

É um filme inesquecível. Impressionante do início ao fim. Bryan Singer, além de ter dirigido outros filmes da franquia, também é responsável pela história do filme, que teve a participação de Michael Dougherty, Dan Harris e Simon Kinberg, este último cuidando inteiramente da montagem do roteiro. Um trabalho desenvolvido de forma fabulosa e que tende a ser aprimorado nos próximos anos quando novos filmes dos X-Men surgirem, com novos arcos e jornadas impactantes e de pura adrenalina.  

11

X-Men: Apocalipse é o melhor filme de super-heróis que já houve. O universo Marvel nos cinemas jamais seria o mesmo sem os X-Men e esse novo filme veio para decretar o porquê do sucesso infindável da franquia. É um filme que desperta aquela vontade de assisti-lo várias e várias vezes. Épico, divertido, emocionante, único, bárbaro. Simplesmente insuperável.  

X-MEN-Apocalypse-Movie-Poster-Banner-3840x2400

Produção: 20th Century Fox; Marvel Entertainment
Gênero: Fantasia/Ação/Aventura
Minha avaliação:★★★★★
© 2016 Twentieth Century Fox Film Corporation; ©2016 MARVEL. All Rights Reserved.

 

já viu os relacionados?

Deixe seu comentário

Comente com o WordPress

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  • Renata junho 26, 2016

    Eu ainda não vi! Gosto muito de todos os filmes dos X-men, mesmo o que não são tão bons…ehehehehe, sempre fui muito fã, tenho uns gibis muito antigos e despencados que comprava em sebos quando era criança.
    Mas pela caracterização dos personagens parece mesmo que estão querendo resgatar dos quadrinhos o que foi perdido nos filmes mais antigos. Quem sabe eu consiga ver ainda..
    bjs

    • ♠♥ Harvey Quinn ♣♦ julho 2, 2016

      Oi Renata!! Eu sou extremamente fã e tentei fazer uma resenha à altura do que esse novo filme de fato é! Eu acredito que você vá gostar! É lindo demais!!! Obrigado pelo comentário!!!